05/02/2014

Atores vão se arrepender”, diz Bolsonaro sobre beijo gay em ‘Amor à Vida’


O deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ), que é considerado um dos maiores opositores do movimento LGBT no Brasil, acredita que os atores Mateus Solano e Thiago Fragoso, protagonistas do primeiro beijo entre dois homens em telenovela brasileira, irão se arrepender por ter feito tal cena.

“Acho que no futuro eles vão se arrepender por contribuir para desconstruir a família”, diz o parlamentar que tem atuado lado a lado com a bancada evangélica na Câmara contra as leis favoráveis aos homossexuais

Bolsonaro, diz ainda que “filho gay bonito é o dos outros”, admitindo não assiste novelas.“Eu não vejo novela porque tenho mais o que fazer, mas só tenho a lamentar isso [o beijo gay] porque a nossa sociedade caminha para essa desconstrução da família”, disse ele ao IG.

O Parlamentar disse ainda que o beijo mostrado na novela se chama “estímulo ao homossexualismo”. “A novela mostra o homossexual como alguém mais inteligente e mais bem sucedido. Tem uns moleques que são fracos e vendo um Félix na vida, que é inteligente, bem sucedido e só anda em carrões, vão entender que ser gay é um verdadeiro vestibular para o sucesso”, acrescentou.

E concluiu dizendo que a cena “foi um marco na depravação da sociedade, porque abre precedentes para que esse tipo de cena se torne comum na televisão”.
Anterior Proxima Página inicial
Postar um comentário