24/01/2014

América vence o Sergipe e continua líder


Adalberto, marcou o primeiro gol do America (1)O América manteve a boa fase na Copa do Nordeste, derrotou a equipe do Sergipe por 3x0, na noite dessa quinta-feira, no estádio Nazarenão, e se manteve na liderança do seu grupo na competição, com seis pontos. Os gols foram marcados por Adalberto, no primeiro tempo, Wálber e Alfredo, no segundo tempo. Agora, os alvirubros se preparam para enfrentar o Confiança/SE, domingo, na inauguração da Arena das Dunas.

Bem armado dentro de campo, o América entrou em campo com a proposta de “chamar” o Sergipe para o seu campo e, usando a velocidade de Adriano Pardal, Rafinha, Rai e Fabinho, sair nos contra-ataques. O setor defensivo, formado por Márcio Passos, Cléber, Edson e Adalberto, não davam espaços para o ataque do Sergipe, e, quando os adversários conseguiam assustar, Andrey, seguro, parava os ataques dos sergipanos.

E foi uma jogada pela lateral que o América conseguiu chegar ao seu gol, aos 18 minutos. Rai chegou pela direita e cruzou na medida para o zagueiro Adalberto cabecear com força e abrir o placar. Logo sem seguida, o Sergipe respondeu com dois chutes de Bruno Gaúcho. No primeiro, Andrey apenas olhou a passar rente da trave, para fora. No segundo, o goleiro americano fez boa defesa e colocou para escanteio.

No final do primeiro tempo, o clima esquentou em campo. O Sergipe chegou ao gol de empate, mas o árbitro da partida, Emanuel Diniz de Araújo, anulou, marcando toque de mão. Na sequência do lance, o América quase chegou ao segundo gol. Rafinha chutou forte de fora da área, o goleiro Juninho defendeu e a bola acabou sobrando para Alfredo, livre, na pequena área, chutar. Mas, o goleiro do time sergipano, conseguiu se recuperar e fazer uma grande defesa.

E, graças a Andrey, o América saiu do primeiro tempo na frente do placar. O meia João Paulo chutou forte e o goleiro americano impediu o que seria o gol de empate, espalmando para escanteio.

O segundo tempo foi mais devagar, com as duas equipes marcando muito forte e com poucas chances de gol. O Sergipe, precisando do gol, saia um pouco mais do que o América, que se defendia bem e tentava puxar os contra-ataques com Adriano Pardal e Rafinha, mas, sem sucesso.

O jogo foi melhor depois das entradas de Régis e Wálber, no América, que deram mais opções no ataque, atuando mais pelas laterais. E foi com Wálber, aos 29 minutos, que o alvirubro potiguar chegou ao empate. O volante Márcio Passo tabelou com Alfredo, invadiu a área e cruzou rasteiro. A bola atravessou toda a área e sobrou para Wálber, chutar forte, rasteiro, para ampliar o placar para os donos da casa.

Atrás no marcador, o Sergipe foi para o ataque, pressionou o América, mas, em compensação, deixava muitos espaços no seu setor defensivo. O atacante Adriano Pardal, aproveitava sua velocidade para chegar com perigo ao gol dos sergipanos. E foi na velocidade que o rubro chegou ao terceiro gol. Rafinha dominou na entrada da área, passou por dois, foi na linha de fundo e cruzou na medida para Alfredo apenas tocar para o gol vazio, marcar o terceiro gol e dar números finais a partida.

FICHA TÉCNICA
AMÉRICA 3X0 SERGIPE

Estádio: Nazarenão, Goianinha/RN
Data: 23.01.14
Árbitro: Emanuel Diniz de Araújo (PB)
Público: 1.262 torcedores
Renda: R$ 11.085,00

GOLS: AMÉRICA: Adalberto, aos 18´do 1º T, Wálber, aos 29´ e Alfredo, aos 39´do 2º T

AMÉRICA: Andrey; Cléber (Bruno), Edson Rocha e Adalberto; Fabinho, Márcio Passos, Jean Cléber (Régis Potiguar), Rafinha e Rai (Wálber); Adriano Pardal e Alfredo. Técnico: Leandro Sena

SERGIPE: Juninho; Magno, Émerson, Cláudio Baiano e Rômulo (Leozinho); Rafael, Edinho, Rodrigo e Bruno Gaúcho (Raul); Clóvis (Jônatan) e João Paulo. Técnico: Vinícius Saldanha
Anterior Proxima Página inicial
Postar um comentário