21/01/2014

Ex-detento de Alcaçuz reage voz de prisão, abre fogo contra polícia mas leva a pior e morre em Currais na cidade de Nísia Floresta.


(PEDRO DE CAETA) Assim que era conhecido Pedro Caetano de 27 anos de idade, ex-detendo da penitenciária de Alcaçuz. Segundo a polícia, Pedro estava esta sendo acusado de cometer vários delitos no município de Nísia floresta e região. 

O mesmo estava com um mandato de prisão em aberto, acusado cometer de vários roubos depois de está em liberdade.

A polícia Civil da cidade de Nísia Floresta, informou ao Digital Mipibu que várias vítimas compareceram à delegacia prestando queixa e acusavam o Pedro, depois de reconhece-lo por fotos.

Segundo o Policiais Militares Wesley e e Ari Júnior, a polícia foi informada do suposto esconderijo do Pedro de Caeta. A guarnição 332 composta pelos PMs Inácio, Wesley, Ary Júnior e Ronney, se dirigiu até o local no intuito de capturar do suspeito.

Ao perceber a presença dos PMs, Pedro sacou de uma arma e começou atirar com os policiais. Ao receber a resposta da Polícia, o mesmo levou a pior e tombou morto em um sítio meio ao um plantio de mandioca.

A Polícia informou ainda ao Digital Mipibu que, além de várias passagens pela polícia, Pedro era acusado de assaltos, roubos, furto e com o mesmo foi encontrado uma motocicleta tipo Yamaha que ainda segundo a PM, a moto tem queixa de roubo. Nenhum policial se feriu durante a troca de tiros contra o suspeito PEDRO DE CAETA.

Rede aonde o suspeito passava a maior parte do seu tempo
PMs que estavam na operação
Anterior Proxima Página inicial
Postar um comentário