04/05/2014

Mais de 147 mil eleitores vão às urnas neste domingo em 2 cidades do RN


Eleição decide quem vai ocupar cadeira de prefeito de Mossoró
 (Foto: Divulgação/Prefeitura de Mossoró)
As eleições suplementares em Mossoró e Francisco Dantas, municípios da região Oeste do Rio Grande do Norte, devem levar, segundo dados do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), mais de 147 mil eleitores às urnas neste domingo (4). As votações acontecem entre 8h e 17h, com o fim da apuração prevista para as 18h30. As duas cidades tiveram seus prefeitos cassados e afastados dos cargos pela Justiça Eleitoral por irregularidades cometidas nas eleições de 2012.

Com uma população de 260 mil habitantes,Mossoró tem 145 mil eleitores aptos a votar neste domingo. A cidade, a segunda maior do estado, tem duas zonas eleitorais - 33ª e 34ª. Cinco candidatos participam da eleição. São eles Francisco José Júnior (PSD), Josué Moreira (PSDC), Cinquentinha (PSOL), Gutemberg Dias (PC do B) e Larissa Rosado (PSB), que teve a candidatura indeferida pela 33ª Zona Eleitoral, mas ainda pode recorrer.

Em Francisco Dantas, cuja população é de 2.800 habitantes, cerca de 2.300 eleitores estão habilitados a votar. A cidade tem uma zona eleitoral, a 40ª. A disputa para o cargo de prefeito do município é entre os candidatos Vandeílton Bezerra (PTB) e Maria Aparecida (DEM). Os candidatos a vice são Ênio Monte (PMDB) e Anaximandro Lopes (PR), respectivamente.

Prefeitos afastados
Vitoriosa nas urnas na eleição de 2012 em Mossoró, Cláudia Regina (DEM) sofreu 12 cassações na Justiça Eleitoral por possíveis irregularidades durante o período eleitoral. Nas vezes em que deixou o cargo, Regina deu lugar ao presidente da Câmara Municipal, vereador Francisco Júnior, prefeito da cidade desde dezembro do ano passado e candidato na eleição suplementar. O vice-prefeito Wellington Filho (PMDB) também foi afastado.

Em Francisco Dantas, o prefeito Gilson Dias (PTB) e o vice Ribeiro Alecrim (PR) foram condenados pela Justiça Eleitoral por abuso de poder político e captação ilícita de votos nas eleições de 2012. A Polícia Federal chegou a apreender listas de promessas de bens e serviços que seriam entregues a eleitores. Quem assumiu a prefeitura provisoriamente foi o presidente da Câmara, Vandeílton Bezerra, candidato na eleição deste domingo.
Anterior Proxima Página inicial
Postar um comentário