17/03/2014

Sequência de assassinatos coloca cidades do Oeste potiguar na rota das mais violentas do Nordeste


Somente nos últimos três dias, pelo menos cinco pessoas foram assassinadas em cidades da região Oeste do Rio Grande do Norte, onde os crimes têm se tornado frequentes e a população refém do medo e da bandidagem. As ocorrências têm colocado as cidades oestanas na rota dos municípios mais violentos do Nordeste. 

Como destaque de cidades com alto índice de criminalidade na região Oeste, aparece os municípios de Mossoró e Baraúna, onde as duas juntas já contabilizaram quase 40 homicídios este ano. Se a soma inclui cidades como Serra do Mel, Caraúbas, Assú, Areia Branca, o numero de pessoas mortas em homicídios ultrapassa as 50 vítimas. 

Para se ter uma dimensão da violência gerada no Oeste do RN, nas primeiras horas da última quinta-feira, uma operação conjunta das polícias civil e militar de Mossoró terminou com duas pessoas mortas em confronto, no município de Serra do Mel.

A operação que visava cumprir mandados de busca e apreensão, na Vila Goiás, culminou com as mortes de dois irmão, que conforme a polícia, abriram fogo contra os policiais e no revide acabaram morrendo Manoel Diego da Silva Fernandes, o "Dieguinho", e Francisco de Assis da Silva Fernandes, "Assisinho". Eles teriam morrido na troca de tiros. 

De acordo com o delegado Renato Oliveira, titular da Divisão de Polícia do Oeste (Divipoe), os dois irmãos eram suspeitos de participação em um crime e estavam sendo investigados. 

"Quando chegamos à casa deles, eles abriram fogo contra os policiais e saíram correndo. Houve revide e uma intensa troca de tiros, que, infelizmente, terminou com os dois mortos", explicou o delegado. 

Na cidade de Baraúna, três pessoas foram executadas à bala em menos de duas semanas, tendo o último crime ocorrido na sexta-feira (14), onde na rua José Vidalino, centro da cidade, Francisco Clebson Filgueira, o "Guel", 22, foi morto a tiros à queima-roupa. A vítima já tinha passagenspela polícia. 

Antes, porém, um duplo homicídio teria chamado a atenção dos moradores baraunenses, quando, na segunda-feira (3), o casal Jonatthan Souza de Lima, 29, e Maria das Dores da Silva Batista, 45, foi executado a tiros dentro de uma bar, de propriedade deles, no bairro da Subestação. Na ocasião, homens armados de pistolas renderam as vítimas e as mataram. 
O chefe de investigação João Euzébio Neto, da Delegacia de Polícia Civil de Baraúna, explicou que dos crimes ocorridos na cidade este ano, 100% estão ligados ao tráfico de drogas. 

"No ano passado aconteceram 36 assassinatos e 96% dos crimes são de pessoas ligadas ao tráfico e os que ocorreram este ano, todos eles são pessoas envolvidas com entorpecentes", concluiu. 

Mossoró registrou cinco assassinatos na semana passada 

A cidade de Mossoró lidera as ocorrências de assassinatos. Somente na última semana, cinco pessoas foram mortas a tiros, sendo quatro execuções e uma delas morta em confronto com a PM, na zona rural. A somatória dos assassinatos chega a 31 homicídios em 2014, contabilizando uma pessoa morta a tiros ou facadas a cada dois dias. 

O último crime aconteceu na manhã da sexta-feira (14) e teve como vítimaFrancisco Ubiratan Lopes de Souza, 55. Ele foi executado dentro de sua residência, na rua João Damásio, bairro Carnaubal. 

Os assassinos invadiram a residência da vítima e o surpreenderam enquanto dormia. Vizinhos ouviram os disparos na madrugada, porém somente pela manhã o corpo foi achado com perfurações de tiros. 

Já na quinta-feira,por volta das 13h30, Wesley Victor Sabino, 23, que residia no bairro Lagoa do Mato, foi executado com mais de 20 tiros de pistola em uma oficina mecânica na rua Coelho Neto, bairro Alto da Conceição. 

A vítima teria entrado na oficina enquanto aguardava a chuva passar. Na ocasião, Wesley foi surpreendido por dois elementos, em uma moto, que chegaram atirando. A vítima foi alvejado na cabeça e no tórax.Wesley era acusado de homicídios e atentados. 

Porém, o crime mais chocante da semana aconteceu na última segunda-feira, quando um casal foi assassinado a tiros dentro de casa, no bairro Quixabeirinha. O casal Edivan Florentino da Silva, 40, e Francidália Maria da Silva, 32, foi executado a tiros na própria residência, em uma vila na rua Dolores do Carmo Rebouças. 

Francidália Maria era natural de Catolé do (PB) e Edivan Florentino, de Frutuoso Gomes. Eles foram encontrados mortos a tiros por volta da 1h30, depois que vizinhos ouviram estampidos e dois elementos saindo do local em uma motocicleta. 

Principais cidades violentas do Oeste Mossoró 30 homicídios Baraúna 7 homicídios Assú 6 homicídios Serra do Mel 4 homicídios Areia Branca 3 homicídios 

*O Mossoroense/Umarizal News
Anterior Proxima Página inicial
Postar um comentário