10/01/2014

RN: Procon quer proibição de vendas de chips de operadoras de celular


O Procon estadual vai entrar com uma ação civil pública contra as operadoras de telefone celular em operação no Rio Grande do Norte. 

Segundo Ney Lopes Júnior, coordenador geral do Procon, o objetivo da ação é suspender a venda de novos chips das operadoras até a melhoria dos serviços de telefonia móvel no Estado, alvo de muitas reclamações dos clientes.

Na avaliação de Ney Júnior, as operadoras precisam instalar novas antenas e realizas investimentos em equipamentos que possam garantir um bom sinal para os atuais usuários do sistema. O Procon estadual está colhendo assinaturas numa página do Facebook - www.facebook.com/proconrn - para embasar a ação civil pública.


Fonte:Blog Giro RN
Anterior Proxima Página inicial
Postar um comentário