23/01/2014

Reitoria itinerante tem reunião administrativa na Ufersa Pau dos Ferros


Eduardo Mendonça
A ideia da Reitoria é descentralizar a gestão para os demais campi

O reitor da Ufersa, professor José Arimatea de Matos, juntamente com os titulares ou representantes das sete Pró-Reitorias que compõem a Universidade Federal Rural do Semiárido (UFERSA), realizaram na terça-feira, 21, reunião com os professores e técnico administrativos da Ufersa Pau dos Ferros. A ideia, afirma o reitor, é descentralizar a gestão para os demais campi. "Adotamos, pelo menos duas vezes por semestre, realizar essa reunião para que, conjuntamente, com toda a equipe possamos discutir e procurar soluções para os principais gargalhos da gestão", disse o professor José Arimatea de Matos, ao abrir a reunião.

O professor agradeceu o empenho de toda equipe do campi de Pau dos Ferros elencando as principais conquistas obtidas em 2013 na Ufersa Pau dos Ferros, como, por exemplo, a ocupação da sede; o preenchimento das vagas para professores e servidores técnico administrativos; a aquisição do ônibus para o transporte dos estudantes; a implantação de dois cursos de engenharias e a liberação de recursos para a construção da residência e do restaurante universitário.

Segundo o reitor, investimento que totalizam mais de R$ 12,7 milhões. "Estamos com 18 meses de administração e muitos outros investimentos estão sendo viabilizados", garantiu. O professor disse ainda que a ocorrência no atraso da entrega de algumas obras, como a biblioteca e o bloco de salas de professores, aconteceram devido problema com as referidas construtoras que já foram substituídas com uma nova licitação.

Na ocasião, o diretor do campus Professor Alexsandro Lima solicitou ao reitor o fornecimento de água mineral para os estudantes. É que com a seca que atinge a região, a água fornecida pela Caern, proveniente da barragem de Pau dos Ferros, apresenta cor, odor e sabor não característicos de água para o consumo humano. O reitor Arimatea de Matos acatou a solicitação que irá beneficiar 580 estudantes, contando com os 150 ingressantes do primeiro semestre de 2014, com ano letivo previsto para iniciar na segunda semana de abril.

Na Ufersa Pau dos Ferros estão em construção 1 bloco de sala de aula, 2 blocos de salas de professores, 1 centro de convivência, 1 complexo de almoxarifado, garagem e patrimônio, 1 bloco de laboratórios, 1 biblioteca, 1 restaurante e a Residência Universitária. "Só com a assistência estudantil - residência e RU - estão sendo investidos em Pau dos Ferros R$ 4,2 milhões", frisou o reitor. O valor sobe para R$ 15 milhões quando se contabiliza os investimentos com a assistência estudantil nos demais quatro campi da Ufersa.

Durante a reunião os representantes das coordenações da Ufersa Pau dos Ferros tiveram a oportunidade de trocar ideias com a equipe de pró-reitores do campus sede. Na ocasião, também foi dada a posse do docente Wildoberto Batista Gurgel, professor de filosofia, que passa a integrar a equipe de Pau dos Ferros.

Gazeta do Oeste
Anterior Proxima Página inicial
Postar um comentário